top of page

Parashá Vaietzê - Ele saiu...

SEFER BERESHIT - GÊNESIS

Iakov, filho de Rivka e Isaac, deixou a casa dos seus pais em Beer Sheva, aconselhado por sua mãe, após desentendimento com seu irmão Esaú. Partiu para Haran, onde vivia Lavan, irmão de Rivka.


A estadia de Iakov em Haran durou 20 anos. Muitos fatos ocorreram na jornada do terceiro Patriarca do Povo Judeu:


‐ Na primeira, Iakov dormiu e sonhou: uma escada estava apoiada na terra e seu topo chegava aos céus enquanto os anjos de D' subiam e desciam por ela. Adonai apareceu e afirmou que daria essa Terra a ele e aos seus descendentes.


"E eis que Eu estou contigo, e te guardarei por onde quer que fores, e te farei voltar a esta Terra, pois não te abandonarei até que em faça por ti o que te falei."


Ao despertar, reconheceu ser aquele o lugar sagrado e o denominou Betel (a casa de D'), local onde, no futuro, seria construído o Templo Sagrado.


Ao chegar a Haran, encontrou pastores junto ao poço de água, apresentou-se e perguntou sobre Lavan, seu tio; neste momento, surge Raquel, sua filha de Lavan, pastora, e foi um encontro de muita emoção. Uma linda historia de amor, começou aí.


O texto bíblico inspira poetas e escritores, a exemplo, Luís de Camões (1524-1380) e Machado de Assis. O primeiro escreveu o lindo poema a seguir:


Jacó e Raquel (Soneto 29)


"Sete anos de pastor Jacob servia

Labão, pai de Raquel, serrana bela;

Mas não servia ao pai, servia a ela,

E a ela só por prêmio pretendia.


Os dias, na esperança de um só dia,

Passava, contentando-se com vê-la;

Porém o pai, usando de cautela,

Em lugar de Raquel lhe dava Lia.


Vendo o triste pastor que com enganos

Lhe fora assim negada a sua pastora,

Como se a não tivera merecida;


Começa de servir outros sete anos,

Dizendo: – Mais servira, se não fora

Para tão longo amor tão curta a vida!"


Também é interessante destacar a história de Esaú e Jacó, contada por Machado de Assis no romance homônimo, sobre os irmãos gêmeos Pedro e Paulo.


"Esaú e Jacó trata de uma “história simples, acontecida e por acontecer”: dois jovens bem-nascidos, os gêmeos Pedro e Paulo, digladiam-se em intermináveis conflitos e reconciliações desde o útero da mãe até o começo da idade adulta. Os irmãos lutam pelo amor da jovem Flora Batista…" (amazon.com.br)


Então, Lavan acolheu o sobrinho, que, em contrapartida pela estadia, começou a lhe prestar serviços, pastoreando ovelhas. Iakov queria casar com Raquel, porém Lavan o enganou e, ao invés de Raquel, ofereceu-lhe Lia, a irmã mais velha.


Vale destacar os dois costumes judaicos originados desse episódio:

  • a filha mais velha deve ser a primeira a casar;

  • na Chupá, o noivo levanta o véu da noiva para certificar-se de que é pessoa certa.

Das uniões das filhas de Lavan sabe-se que Lia teve muitos filhos e Raquel apenas um, Iossef.


Após vinte anos em Haran, Jakov resolveu voltar à sua terra. Na ocasião, Lavan teria que dividir o rebanho com Jakov, como pagamento pelo trabalho prestado.


Não aceitando a partida de suas filhas e netos, Lavan mudava constantemente os critérios da divisão do rebanho para prejudicar a Jacov, que tanto havia se dedicado como pastor, ignorando também os laços familiares.


Então o Patriarca partiu às escondidas, levando sua família e os animais, que julgava ter direito. Lavan foi ao seu encontro e, após conversações, chegaram a um acordo; o pai abençoou suas filhas e netos e, assim, Jakov pode continuar a sua viagem de retorno.


Shabat Shalom


8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page